domingo, 18 de maio de 2014

      Eu juro pra você que não queria que isso tivesse acontecido. Sabe, eu sinto tua falta pra caramba. Mas queria que me entendesse, porque eu te entendo. Sei o que tá passando porque você mesmo já me fez passar pela mesma coisa. 
     Nunca acreditei que depois de meses sem falar com alguém, a amizade voltaria a ser a mesma. Mas você me provou o contrário. Sempre esteve do meu lado, e mesmo estando chateado comigo nunca me virou as costas. Eu sinto saudade da gente, saudade de tudo que passamos juntos. Eu sempre me lembro que desde o primeiro dia em que nos conhecemos você já passou a ser meu amigo. Espero que entenda tudo que tá acontecendo. Só que eu não tenho ninguém pra me aconselhar tão bem quanto você faria em um momento desses. Eu queria te mandar uma mensagem agora pra perguntar o que fazer.  
      Espero que tudo volte ao normal, mesmo que não seja agora. Ainda quero te ligar pra ficar chorando no telefone, ou te mandar foto de vários vestidos pra você dizer qual fica melhor. Mas dessa vez eu tô com medo, sabe? Medo que as coisas não voltem a ser como eram antes, porque foi diferente das outras vezes.